voltar

VIVER O AGORA

  “O tempo está curto. Não dá para fazer tudo o que planejamos”. Estes são alguns comentários que se tornaram comuns nos dia de hoje, em relação ao tempo disponível para realizarmos nossas tarefas. Por isso, para que alcancemos um equilíbrio maior em nossa vida, necessário se faz que busquemos priorizar nossas necessidades, dando ênfase no que realmente é mais importante em nosso dia-a-dia.
  Devemos sim viver um dia por vez, ou seja, vivermos o agora, observando o que aquele dia está nos oferecendo como oportunidades de cumprirmos nossas tarefas melhores, pois ao revivermos o passado, - remoendo situações que de nada adiantarão - deixaremos de observar as oportunidades do momento, desperdiçando assim, tempo precioso que temos aqui para evoluirmos e além do mais não poderemos mudar o que ficou para trás.
  Já quando ficamos preocupados com o futuro nos tornamos ansiosos e medrosos - por ser o amanhã ainda desconhecido - e então desperdiçamos grande quantidade de energia mental. Além do mais ficamos aguardando que o futuro se concretize da maneira que gostaríamos que fosse e não o que seria melhor, segundo a vontade de Deus, nos tornando frustrados quando o que nos é motivo de desejo não acontece.
  É só no agora que temos condições de mudar atitudes que contribuam para nossa felicidade, observando as sementes que estão sendo semeadas dia-a-dia.
  Ao começarmos a praticar o “viver o agora”, notaremos que com algum tempo dessa vivência, nos tornaremos mais tranqüilos. A ansiedade diminuirá, a respiração torna-se- á mais profunda e o ser mais consciente dos seus pensamentos. Já não viveremos mais no piloto automático. Passaremos a prestar mais atenção nas “sincronicidades” agindo em nossa vida e um encontro com alguém, um telefonema, um e-mail, um livro ou um Cd, não será casual.
  É Deus agindo em nossa vida e que através dos anjos e de todos os trabalhadores da Luz – encarnados e desencarnados - estão sempre procurando nos auxiliar em nossas necessidades, ofertando o que nos é necessário a cada situação. Porém, tudo nos será doado segundo somente as nossas reais necessidades.
  Precisamos sim, fazer a nossa parte, confiando na Força Maior e buscando a harmonia interior.
  Viver o agora é sabermos retirar de cada momento que vivenciamos os ensinamentos que a vida nos oferece.
  Ensinamentos que devem ser aplicados em nosso dia-a-dia, contribuindo desta forma para que a passagem pela Terra se torne muito mais harmoniosa.

APARECIDA

voltar