voltar

ORGULHO – A CAUSA DE TANTOS MALES

  Um dos maiores causadores de conflitos e confrontos na humanidade da Terra, ainda é o sentimento de orgulho. É a necessidade de se provar e mostrar quem é o certo e o melhor. É a busca do poder para se sentir superior e poder dominar aqueles que estão nas camadas menos favorecidas de uma sociedade. Isto dá prazer e satisfação a muitas consciências, que ainda vivem num nível de entendimento espiritual muito restrito. É o ego predominando e abafando a voz do ser superior e que alimentado pela vaidade, não percebe que o orgulho o afasta das oportunidades.
  O eu superior - nosso guia interno - sempre está a nos alertar dos perigos de se nutrir desse sentimento, perdendo muitas vezes a oportunidade de termos uma vida mais harmoniosa e equilibrada.
  O orgulho tolhe a compreensão dos fatos e acontecimentos, não permitindo que se encontre uma saída, pois ninguém quer ficar por baixo. E enquanto predomina o orgulho, o que continuamos a ver?
  Guerras e mais guerras dizimando a vida de muitos inocentes, tudo em nome do poder.
  Mais que poder é esse que pensa que constrói em cima dos destroços humanos, dos choros e lamentos de familiares, da destruição da natureza através de bombas e mais bombas.
  Porém DEUS a tudo observa. Deu o livre-arbítrio ao homem, ao qual já se encontra numa condição intelectual que não deveria estar mais tendo estes procedimentos. É irmão destruindo irmão, com o simples prazer de provar quem tem mais poder, sem falar dos interesses materiais. Isso tudo só acarretará sofrimento a todos que são responsáveis por procedimentos, que venham a trazer prejuízos a quem quer que seja. É a Lei do Karma justa e corretiva, que irá trazer os ensinamentos a todos que fizeram uso do poder, para subjugar a quem quer que seja.
  O orgulho em nosso dia a dia nos faz perder muitas oportunidades também.
  É a oportunidade de falar o que sente, a quem ama.
  É renegar um emprego por ser mais humilde.
  É deixar de elogiar um amigo.
  É deixar de exprimir gratidão.
  Enfim, se pararmos para analisar, quantas vezes ao dia perdemos ocasiões de sermos simples e verdadeiros. O verdadeiro poder está no espírito. De sermos grande no caráter e na personalidade.
  Todos os mestres e avatares iluminados que passaram pelo plano terrestre, nos deixaram exemplos de simplicidade e humildade. Porém seus poderes não estavam baseados no ego e sim na força espiritual que os conduziram pela Terra, auxiliando-os no cumprimento de suas missões.
  O importante é tê-los como exemplo, para que não percamos as oportunidades de sermos felizes.

APARECIDA

voltar