voltar

ANATOMIA DO CORPO ESPIRITUAL - PARTE 1

1 - CORPO FÍSICO - ETÉRICO

Cor: Vermelho
Sentido: Físico-Etérico
Bases: Instinto
Sentidos físicos: Tato, paladar.

Introdução:

 As condições com que o físico se apresenta, mostra uma característica de intensa intimidade com tudo que é concreto, observando e atendendo leis que o “EGO” sempre manifesta com sua força de persuasão.
Suas propriedades são:

    • Intenso desejo de viver
    • A força sexual bastante ativa
    • Desejo de manter-se apegado a tudo e a todos
    • Egoísmo
    • Visão distorcida do que é Espiritual.

 A força do físico é energia “Yin”, que não deve estar desequilibrada, pois quando sua intensidade atua predominante, o indivíduo pode apresentar sinais de patologias inerentes a tudo que é “excesso”, ex:

    • Insônia (por querer viver tudo ao mesmo momento)
    • Falta de vitalidade (por abusos sexuais)
    • Demência (por apegos).

 Originariamente o Físico-etérico apresenta-se num matiz rubro, nuance das energias ligadas a terra. Este corpo é a última estação da energia em forma sutil etérica, daí para adiante encontraremos somente a densidade do corpo plasmado na Terra. Se puséssemos todos os corpos do ser sentados em uma sala, este seria o mais próximo do “corpo físico material”. Sua energia pode ser sentida e visualizada com muita facilidade, quando aproximamos as mãos do corpo físico material, sem tocar uma na outra e podemos sentir sua irradiação interagindo entre os dedos ou a palma da mão. Ao contato com o campo de energia mais próximo, sofre uma atração entre si, que nos faz lembrar um chiclete quando puxado para as extremidades.

 Esta força da mesma maneira que se atrai, também exerce uma contra-pressão aos extremos, dando a impressão de estarmos com uma bola nas mãos, se movimentá-las em sentido circular. É o corpo Físico-etérico que atua intensamente quando nossas decisões são puramente materiais. Às vezes é muito comum precisarmos de uma orientação espiritual e não termos a certeza se aquela orientação vem do Mais Alto ou se é de nossa “cabeça”.
 Geralmente as pessoas recebem as informações que são passadas através dos corpos espirituais, porém quando essa informação chega ao Físico-etérico, poderá ser amplamente distorcida, caso a predominância da energia do indivíduo, no momento esteja muito no físico. O desequilíbrio da força Yin do Físico-etérico pode trazer problemas, pois tomando decisões puramente intencionadas no campo material, isso pode acarretar problemas cármicos. Na maioria das vezes, isso ocorre porque não há um desenvolvimento desse corpo e não havendo uma preparação para que o indivíduo possa contornar esses impulsos, para o que é concreto e material, é muito difícil saber trabalhar com essas energias, caso não haja um trabalho de expansão da consciência. O perfeito entendimento de tudo o que pode estar ocorrendo (análise dos acontecimentos, reflexão nos resultados que as decisões tomadas estão trazendo), faz com que esse campo energético possa vibrar em uma sintonia mais harmoniosa, embora sob uma tempestade de vicissitudes que esteja ocorrendo. O que é muito diferente da reação de desespero de quem não sabe para onde começar.
 Geralmente a primeira idéia é buscar um médico da medicina acadêmica, caso seja um problema de saúde, porém quando é um problema social, econômico ou moral, a religião sempre é a primeira a ser consultada.

ORGANIZAÇÃO DOS NÍVEIS DO CAMPO ESPIRITUAL

Poderemos exemplificar os níveis do corpo espiritual, como um prédio de apartamentos de sete andares.

    O térreo (a garagem):
    O corpo físico, veículo de todo o campo espiritual para atuação do ser na Terra.
    1º Andar: o nível do Físico - etérico
    2º Andar: o nível do Físico - emocional
    3º Andar: o nível do Físico - mental.
    4º Andar: o nível do Espiritual.
    5º Andar: o nível do Espiritual - emocional.
    6º Andar: seria o nível do Espiritual - mental.
    7º Andar: o nível da Mônada ou Espírito.

  No nível da “garagem” estão as energias que se condensaram após a “descida” dos planos mais altos e se encontram na matéria física. Tudo aí está concreto, os sentimentos, as emoções, os pensamentos e os órgãos do corpo, são como algo que estava no estado gasoso e veio a se solidificar. Nesse nível mora a razão, o racional e o concreto.
 O primeiro, segundo e terceiro andar são considerados níveis físicos, pois estão logo abaixo da linha que separa a organização espiritual do campo energético.
 O quarto andar é o nível da transformação da energia, pois a energia telúrica que sobe da terra, se transforma em cósmica e vice-versa.
 O quinto, sexto e sétimo andar, são considerados níveis espirituais, onde os sentidos espirituais são enviados para as partes baixas do ser.
 Cada nível apresenta uma vibração e uma característica psicológica própria abrangendo o seu nível (andar) próprio, com exceção do nível espiritual que divide sua freqüência em superior e inferior.
 Sempre que alguém apresenta emoções aparentemente descontroladas, juntamente com excessivo apego, podemos dizer que esta manifestação é originária do nível emocional no corpo físico e etérico.
 A intensidade com que o sentimento é originado é que determina o nível aonde tal energia vai se manifestar, trazendo complicações ou melhoras ao corpo físico, conforme a freqüência boa ou má do sentimento.
Abaixo relacionamos as principais características de cada nível, no corpo físico-etérico

-Nível Etérico-Inferior: (chakra básico)

 Energia telúrica é a principal freqüência deste nível (Yin), com coloração avermelhada. Esta freqüência é considerada a mais densa em sua vibração. Está ligada aos órgãos reprodutores e urinários e é representada como energia física em todos os campos do ser. Atua em níveis psicológicos trazendo excitação ao campo, combatendo depressão, angústia, tristeza, sentimentos de origem densa, embora seja excitativa esta freqüência é “Yin”, energia de baixa energia cósmica, por isso não deve ser usada a não ser para fins terapêuticos, pois se corre o risco de desenvolver um processo de retardamento da evolução do estado energético do campo, trazendo complicações sérias ao ser.
 Os cinco sentidos físicos (audição, visão, olfato, paladar e tato), aqui estão mais bem desenvolvidos, atingindo freqüências bem mais altas do que no nível concreto (só pequena porcentagem da atuação desses sentidos é atribuída ao físico, a maior parte atua no corpo etérico e nos corpos acima). Porém, a atuação desses sentidos neste nível é muito mais densa em comparação com os níveis superiores, causando certa distorção da realidade espiritual, quando estimulados por atuações completamente materiais.
 Se a visão superior tenta chegar ao campo concreto com insinuações mais nobres, esse procedimento acaba se perdendo por falta de compreensão do ser, ficando a revelia de manifestações muito mais físicas do que espirituais.
 Exemplificando, se a visão superior se depara com uma paisagem bela, lembra da grandeza da Criação, enquanto que a visão etérica somente enxergará o local para descanso e prazer. Ambas as energias devem estar equilibradas para que todo o processo de crescimento espiritual do ser possa se desenvolver e somente na compreensão de que isto deve ser um trabalho a executar, como uma tarefa muito importante, como uma prioridade de vida, o indivíduo alcança realmente um estado de equilíbrio.
 O paradigma da religiosidade no ser deve ser um tabu a ser derrubado, mesmo que possa parecer difícil se ter um comportamento moral mais elevado. A condição espiritual de cada um é um projeto altamente concebível e alcançável, que todo ser deve procurar. Condições técnicas para o desenvolvimento são necessárias nessa jornada e para a compreensão da energia cósmica que desce, como também a telúrica que sobe, deve haver espaços na vida de cada um para amadurecimento e assimilação, trazendo palavras de conforto e discernimento espiritual. Se no momento o indivíduo não estiver preparado, ou seja a audição neste nível se não estiver equalizada, poderá tomar tais argumentos como sentimentos de covardia e falta de iniciativa, pois o indivíduo tem a crença que ser religioso é ser covarde.
 Esses agravantes trazem um impedimento do ser em poder utilizar esses sentidos para uma vida mais saudável. Decisões tomadas com energias desse nível bloqueadas e distorcidas, acabam provocando problemas cármicos, que dependendo da intensidade, podem durar várias encarnações.
 O nível etérico inferior também abriga a razão, a concepção totalmente racional habita neste nível, tornando-a muito concreta. Indivíduos que atuam inteiramente com o racional, também apresentam certo desequilíbrio neste nível e dependendo da condição em que possa ter se cristalizado as energias desequilibradoras, haverá grande distorção no comportamento ético desse ser. Parâmetros egóicos fazem com que a razão, possa buscar somente critérios intelectuais, deixando abafadas as intenções de elevadas atuações, que seriam comandadas pela intuição, sentimento de níveis muito mais superiores.
 A conformação dessas energias espúria parte de princípios, onde o ego tenta “impor” sua hegemonia, devido à freqüência densa dessas energias, estarem próximas a este componente acoplado ao estado total do ser que é o corpo físico.
 É compreensível que grandes ditadores, tenham desenvolvido energia deste campo tão bem que excessivamente elas tomaram parte de grande porcentagem da personalidade deles. Sem se preocuparem com a atuação totalmente racional, intelectual e enguiça, perderam-se num mar de energias que compõem uma parte considerável que atua na manifestação da criação do plano concreto. Cobiça, orgulho, prepotência e insensatez são alguns dos estados concretos que emergem das profundezas da excitação da energia do nível etérico inferior.
 Tanto a excitação excessiva, como a desvitalização são descontinuidades desse nível, freqüências alteradas provocam desequilíbrios, como: incontinência urinária, inflamação da bexiga e rins, cálculos renais, impotência sexual ou abuso da energia sexual dependendo da intensidade da excitação, efeitos psicológicos como: depressão, tristeza e até demência devido ao apego excessivo. Geralmente seres com a energia do nível etérico inferior em desequilíbrio, tem problemas financeiros por decisões tomadas levadas somente com finalidade de consumismo material.
 A terapêutica para esse nível, está em detectar em que nível de freqüência está à excitação, se baixa ou acima do normal, geralmente à de se notar pelo estado de espírito do físico concreto que em certos casos já apresenta o quadro profilático para a diagnose total, porém nem sempre isto é possível, pois os distúrbios estão em outros níveis, atuando muito sutilmente e muito difícil de ser observado.
 Como exemplo é o caso de um homem que está com um quadro de impotência sexual no corpo físico, porém seu problema se origina no corpo emocional, devido a um trauma de vida passada, relacionada a um problema de nível emocional, talvez uma traição. Devido a está situação traumática, acaba se bloqueando e somatizando no órgão ao qual tem como sua virilidade. Geralmente, quem tem esse nível desequilibrado procura ajuda após os sintomas aparecerem no físico concreto, o que dificulta muito o trabalho de alinhamento da freqüência da energia.
 Energizações com a cor vermelha são indicadas, pois a densidade da freqüência desta cor é compatível com o nível etérico inferior. Essa profilaxia também é acompanhada por cristais como Jaspe, Rubi, Ágata avermelhada para estabilização do campo energético.
 A técnica da cromoterapia tem mostrado bastante eficaz em tratamentos desse nível porém é sempre oportuno lembrar que “quem vai ao médico precisa tomar o remédio indicado” para alcançar a cura tão desejada. E na terapêutica energética, fatores sutis como persistência, perseverança e confiança são atitudes primordiais para uma cura total.
 O efeito preventivo que toda “preparação espiritual” apresenta é muito benéfica, pois pode extinguir a atuação da energia espúria que ocorre no momento, bem como mudar rumos que poderiam levar o ser a futuros caminhos pedregosos na jornada terrena.

-Nível Emocional-Inferior: (Chakra umbilical)

 A característica da vibração desse nível também é telúrica (sobe da terra) é Yin, com coloração alaranjada.
 Já é um pouco mais sutil que o Etérico-inferior, porém forma a base da trilogia do Ego (Etérico, Emocional e Mental-inferior).
 Em seu campo constitui sentimentos que agregam tudo que é relativo ao emocional. Aqui estão guardadas a freqüência mais densa do ressentimento, da amargura, paixão, tristeza, alegria física, raiva, admiração física e atração física.
 Está ligada aos órgãos físicos, parte do aparelho urinário e digestivo. Representa o segundo andar no exemplo do prédio de apartamentos. Quando a emoção sentida é muito forte, este nível pode vibrar com a intensidade de cristalizar emoções tão rápidas, que há risco de bloqueio desse campo. O sentimento da emoção inferior sobe tão rápido que parece subir de elevador ao segundo andar.
 O trabalho de harmonização desse nível, já não é tão rápido, pois para desfazer a cristalização dessas energias, o ser precisa “subir” as escadas para chegar ao segundo andar, o que às vezes não traz muito estímulo.
 Energizações com a cor laranja trazem efeitos benéficos, pois a freqüência dessa cor é compatível com a vibração desse nível, trazendo fortalecimento do campo, facilitando a harmonização das energias espúrias, que podem estar alojadas neste andar.
 Geralmente pessoas com esse nível bloqueado, vem de situações amorosas mal resolvidas, traumas da infância com pais e parentes adultos e são refratários à aproximação física por experiências amorosas negativas, ansiedade e excitação acentuadas. Podem ser depressivas e tristes, sistema nervoso abalado e descontrolado seguido de choro convulsivo.
 A atuação desses indivíduos, geralmente é levada quase sem medidas das conseqüências de seus atos. São dispersos e nem sempre atuam com a razão completa como os indivíduos do primeiro nível. “Fazer o que der na cabeça” é um fato normal que antecede às vezes acontecimentos inesperados e desastrosos, que podem chocar aos que estão ao lado deles.
 Os problemas emocionais que somatizam no corpo físico, quase sempre são de ordem cármica. Afeta órgãos como: bexiga, ureteres, estomago, apêndice, intestino. A maioria dos problemas é causada porque o ser não apresenta maturidade espiritual para lidar com certas situações, que para ele são denominadas “degradação da moral”. São sentimentos de cunho moral que afetam o ponto de orgulho e quase sempre trazem a tarimba de “situações insolúveis”, “casos perdidos” que somente alguém poderá solucioná-los e não o indivíduo.
 Emoções como paixão forte podem até causar situações cármicas, que podem durar vidas para dissolução e trabalhos com esse nível, quase sempre requerem muito labor, persistência e força de vontade, o que não apresentam os candidatos a tal necessidade.
 “Parar para pensar” é fato de “perda de tempo” e a solução rápida é sempre muito esperada.
 O desequilíbrio das energias desse nível também podem causar tristeza, depressão e até suicídio, dependendo da atuação e cristalização dessas forças, por afetarem energias do campo espiritual, trazendo bloqueio ao quarto nível (espiritual).
 Quando este nível atua com vibrações retrógradas de emoções somente inferiores, começa a desajustar a linha que interliga os campos. Essa desarmonia interrompe o processo de energização de Yin para Yang e vice-versa.
 Quando esse fenômeno cessa, então se inicia a degeneração de células sutis do campo emocional, afetando os órgãos a eles responsabilizados.
 Quando a energia espúria das emoções inferiores atinge níveis satisfatórios, saturando esses órgãos, então como válvula de escape à energia espúria começa a ser drenada para o “físico”, constituindo assim, somatizações que se inicia primeiro como insinuações, primeiros sintomas, como breves avisos de que algo está acontecendo de errado no ser.
 Por enquanto ainda há possibilidade de cura sem afetar e comprometer órgãos físicos.
 Caso não aconteça a paralisação imediata de “fabricação” de energias espúrias, o nível “transborda” e a saturação residual do órgão afetado pela emoção inferior atinge a estrutura celular do campo físico e então se dá a somatização por completo, causando dor física , além da moral já tão comprometida.
 A terapêutica nesse caso, abrange duas linhas de trabalho: uma física para tratar da estrutura física e outra muito mais importante, realizada no campo sutil do segundo nível que é o trabalho de harmonização das energias que estão cristalizadas nesse campo. Para tal é necessário que o ser possa apresentar condições de abertura a uma total mudança nos seus sentimentos.
 Primeiramente descobrir o ponto principal de emanação das energias que estão no momento afetando seu sistema emocional. Qual o fato que está no “epicentro” desse terremoto que ameaça ruir a estrutura desse prédio de apartamentos que é o ser. Geralmente quadros alérgicos são diagnósticos que denunciam problemas emocionais.
 Uma total reformulação, através da reflexão e contato com o ser interno, trazem efeitos benéficos que poderá diminuir ou até interromper totalmente a ação dessas energias degeneradoras, trazendo bem-estar e cura para o corpo emocional e físico.
 Ações preventivas para evitar desajustes desse campo, são a medida certa que atuará para um futuro de paz e saúde para o ser. Conhecimento de causa, saber que energias de paixões fortes e sentimentos malévolos não devem ser cultivados, apresenta uma forma de combater o ancoramento de vibrações retrógradas nesse nível, higienizando-o, deixando os canais livres para passagem normal das freqüências equilibradas que devem constituir um nível saudável para todos.

-Nível Mental-Inferior: (chakra esplênico)

 É o terceiro nível da parte inferior do campo etérico. Sua característica vibracional também é Yin e também faz parte da trilogia do ego, (Emocional, Mental-Físicos).
 Sua freqüência vibratória atinge matizes do alaranjado bem escuro até o amarelo forte, porém seu ponto de equilíbrio ancora no amarelo claro.
 Indivíduos com o nível mental equilibrado têm conceituação intelectual destacada, pois essa vibração atinge níveis que aceleram células muito sutis do cérebro do campo mental, dando clareza de expressão, bem como uma visão bem aberta do que é racional. Bem trabalhado esse nível, proporciona pensamentos positivos para atuar com a razão do primeiro nível, trazendo posições de destaque no trabalho, em grupos de estudos e harmonização no lar, quase sempre são pessoas bem sucedidas na vida, porque aprenderam a respeitar seus limites.
 O campo mental aberto proporciona clareza e confiança nas decisões que são tomadas a nível material e onde quer que seja, o ser deste nível procurará sempre estar em contato com sua sempre abalizada formação de “instinto para percepção”. Há sempre toques sutis que vem do espiritual, que aguçam a percepção, trazendo a certeza de uma boa decisão a ser tomada.
 conceito psicológico, as energias de pensamentos com vibrações inferiores atingem o terceiro nível desse campo também com certa agudeza e rapidez, pois está no nível mais sutil do complexo inferior de cada ser.
 Para se criar, basta pensar. Não há nada no mundo concreto que não tenha sido organizada nas bases desse nível para cima, porém quando atuando em ondas negativas, pode trazer complicações.
 Há certas cristalizações de pensamento tão intensas, que geram vultos e que tomam forma, originando as tão famosas “Formas pensamento”. Essas energias formam blocos e que quando são sintonizadas, acabam atraindo e fortalecendo o medo e dependendo da sede de energias que as compõem, podem somatizar desde a Síndrome do Pânico, até debilidades psiquiátricas levando o ser a loucura.
 Este nível também atinge órgãos como parte do sistema digestivo, como também todo o sistema circulatório abrangendo sangue, coração e glândulas.
 O fato de alguém ter esse nível bloqueado origina a atenção especial para colapsos energéticos circulatórios, em seu teor sistema principal desse nível bloqueado é a debilidade de capacidade de entendimento do que ocorre no meio. Seres com desequilíbrio desse nível avançam a jornada no físico semicegos para tudo que é compreensível e desenvolvem uma incapacidade para compreender, assimilar e perceber determinadas situações. Sua velocidade de raciocínio é lenta e cálculos matemáticos são quase pontos inacessíveis e longe da realidade, manifestam sua vivência quase que altista.
 As cristalizações de pensamentos negativos são registros às vezes, trazidos por trauma de qualquer natureza, para então serem gravados na rede da memória concreta. São zonas de descontinuidades de ondas vibratórias, que o cérebro com células vivas não conseguem emulsificar, com a química mágica da inteligência, pois são vários sentimentos negativos que não são codificados pelo cérebro, ex: o medo, ansiedade, angústia e é quando ocorrem “black-outs” na rede eletrônica do cérebro, trazendo interrupções das energias que atuam na circulação, irrigando as células do campo físico.
 A terapêutica para esse nível é novos modelos de pensamentos, aceitar-se total e integralmente passível de mudanças, para que haja o ressurgimento de novas e renovadoras energias, que à bem do complexo inferior do ser, trarão certos agravantes, porém utilizando o próprio desajuste como catalisador da formação de uma nova estrutura energética.
 Banhos de sol até 9:00hs. são salutares, nos casos em que a profilaxia determina a cor amarela como a cor de “fundo” para o tratamento deste nível.
 Numa ação preventiva, há sempre que notar os exercícios de meditação diária, para que haja o desenvolvimento da capacidade de cada vez mais, aumentar a excitação das células, que ativam esse nível. Cultivar pensamentos nobres, de esperança, confiança e perseverança são procedimentos obrigatórios para quem não deseja cristalizar-se e parar no tempo. Ações benéficas como esta, estarão prevenindo situações indesejáveis que poderão até trazer revolta e tristezas, levando o ser a introspecção seguida de um fechamento total para a vida.
 A alegria de viver está em conhecer-se mutável, a todo instante, assim que a vida assim nos solicitar.

-Nível espiritual: ( chakra cardíaco)


 É neste nível que as energias se encontram,Yin/Yang e por aqui passam rumo a sua missão, cada um levando sua mensagem. Neste ponto podemos dizer que a freqüência se denomina “neutra”, pois as polaridades encontram-se bastante próximas. Seu matiz verde claro também tem sua cor complementar que é o rosa choque, que induzido pelas energias que vem do mais alto ( mental superior e emocional superior) fundem-se com o verde, trazendo a coloração pastel do rosa, que sempre inspira amor e pureza, tão naturais nas paragens mais altas.
 Porém nem tudo neste nível é harmonia. Quando o ser apresenta estados de inquietação por repulsa mágoa, raiva, ódio, incompatibilidade energéticas, apresentam-se em forma de tristeza profunda que podem afetar o campo etérico, baixando a freqüência, causando os temíveis estados de depressão profunda.
 Agora a energia pode afetar de cima para baixo, caso a intensidade do fato que tenha desencadeado profunda tristeza venha chegar a bloquear o cardíaco.
 Pessoas com este nível bloqueado são incapazes de aproximação por amor incondicional. Geralmente a aproximação se dá pela saga da paixão, devido à influência do 1o nível (chakra básico) contaminado atuando como interceptor do cardíaco, simulando estados de amor como “amor platônico”, “amor doentio”, “apegos profundos”. Tudo isso são marcas do nível espiritual bloqueado, que pode contaminar de baixo para cima todos os seus níveis antecessores (etérico, emocional e mental inferior).
 Sua denominação espiritual deve-se a sua condição de o mais sutil de todos os níveis ligados ao complexo da trilogia do ego, (emocional e mental) por ser uma “ponte” entre o “céu e a terra”. Sua capacidade de assimilar cargas de polaridade dupla (Yin/Yang) o faz bi-polar, sem fazer parte de nenhuma delas. Pessoas com este nível bloqueado não são capazes de perdoar, porém se a iluminação acontece e este nível torna-se aberto e ativo, a compreensão do estado espiritual é muito mais intensa e novos rumos na vida do ser acontecem.

-Nível Emocional-Superior: (chakra laríngeo)

 A condição energética que este nível exerce no ser é sutil e emoções superiores brotam do fundo da alma para revelar uma ação sempre de boa vibração.
 Seres com esse nível aberto, compreendem a ação da vontade superior e quando em tarefas que exigem uma boa postura verbal é esse nível que entra em sintonia perfeita com a força superior, para então consagrar uma canalização de harmoniosas notas superiores.
 Dentre os níveis superiores, este abrange muito mais à vontade e a atitude correta, perfeita conduta de origem energética superior, sempre tem uma boa palavra a acrescentar e o apaziguamento quando em situações de conflito é predicado sempre bem utilizado.
 Nos órgãos a que é responsabilizado, exerce funções importantíssimas como irrigação de energias sublimes sobre suas moléculas. A glândula tireóide, o esôfago, a laringe, a faringe e os gânglios desta região, são muito bem mantidos por sua conduta energética sempre irrepreensível.
 Psicologicamente intui o ser em seus estados mais sutis, trazendo as emoções de alegres sentimentos, passagens e pensamentos, que conduzirão sempre o ser à expansão.
 Quando se apresenta bloqueado, então pode haver a reversão destes predicados, trazendo insatisfação e inquietação, fazendo com que um vácuo no interior do ser possa ser instalado. É como se faltasse sempre algo a fazer e um vazio sempre exigindo novas vontades. A ansiedade é aguçada e não há vontade para seguir seu estudo de aprimoramento. Sua coloração de matiz azulada, sempre exige terapêuticas com energias de estado Yang. A passividade superior da cor azul interage com a energia Yang, trazendo bem estar em quem possa necessitar da gradação dessa energia superior.
 Preventivamente é necessário que o ser possa tomar atitudes de perseverança na vontade de atingir a meta superior com que se comprometeu, como também evitar atitudes de desânimo, quanto ao compromisso assumido quando embuído de ações positivas. Às vezes é dado ao ser chances para revelar sua atuação mais nobre, com atuações positivas, porém sempre há energias involutivas que podem atrapalhar esse fato e sentimentos de desânimo desencorajam tal tarefa, adiando mais uma vez o que poderia ser concretizado no tempo atual.

Principais características psicológicas deste nível bloqueado:

    -Falta de vontade em atingir metas
    -Introspecção
    -Ansiedade excessiva
    -falta de originalidade (personalidade)
    -Medo de enfrentar a vida
    -Sistema nervoso descontrolado

 Este nível está ligado ao segundo nível (emocional inferior). Em conjunto atuam equilibrando e harmonizando as forças no ser, porém quando bloqueados, ambos trazem sentimentos de incerteza muito profunda, levando o ser a sérias complicações de saúde do campo físico. Originalmente esses níveis trazem suas fontes de energia condicionadas a Yin e Yang totalmente balanceadas, para que uma vida de atuações emocionais seja sempre equilibrada, trazendo paz e harmonia em todo o complexo superior e inferior.

-Nível Mental-Superior: (chakra frontal)

 A fonte que irradia este nível, abrange parte do cérebro, olhos e ouvidos, fazendo com que a energia circulada possa armazenar fatos, imagens e sons mais sublimes para o ser que desenvolveu este nível. Observações são feitas em seu campo e resultados muito satisfatórios tem nos revelado, que a força superior que envolve este nível apresenta uma forma muito regular, com matizes de azul escuro ao violeta, energia essa com freqüência altíssima que traz a lucidez mental e visual espiritual. Grande parte dessa energia envolvente na região superior da cabeça, irradia fontes de luz que podem ser direcionadas a qualquer lugar, se por acaso isso for do conhecimento do ser.
 A telepatia, a clarividência e a visão espiritual (3o olho), estão totalmente ligadas a fonte de energia que irradia este nível. Como é uma energia Yang, apresenta características muito suaves, porém de efeitos até cauterizadores, devido à alta freqüência em que atua. Massas de energia espúrias têm sido totalmente dissolvidas pelo efeito cauterizador da energia violeta que o nível mental superior irradia. Casos de câncer molecular energético tem revertido na ação do nível mental superior. Seu efeito energético amplia a visão espiritual bastante equilibrada, porém quando energias espúrias se cristalizam nesse nível, podemos dizer que o ser “não enxerga um palmo a sua frente”, pois sua visão espiritual está totalmente bloqueada, trazendo dificuldades no entendimento do que lhe é dito e fatos importantíssimos passam despercebidos.
 Dificuldades podem advir sobre desequilíbrios desse nível, pois psicologicamente a imaturidade física é constituída pela falta de entendimento do que cerca o ser e como isso não pode ser enxergado de uma maneira mais espiritualizada, decisões são tomadas no campo físico, quase sempre somente com a visão do “ego” (material) e isto pode afetar de maneira considerável a programação espiritual do ser.
 A ação preventiva para evitar bloqueios nesse campo, abrange um estado de mente aberta para pensamentos construtivos e totalmente voltados ao bem. Não carecendo de oportunidades para que isso aconteça, o ser deve procurar ter o tempo todo essa visão ampliada para o espiritual. O foco em ações espiritualizadas é sempre uma maneira de perceber o que está acontecendo a sua volta, qual as energias que estão no meio de sua convivência, estar preparado para poder detectar e transmitir caso isso seja percebido é uma atuação que previne bloqueios do mental superior.

Principais características psicológicas deste nível bloqueado:

    -Refratariedade à mudança de pensamentos e atitudes
    -Visão distorcida da realidade
    -Falta de compreensão
    -Confusão mental

 A condição com que cada indivíduo trabalha seus pensamentos, está ligada diretamente a este nível, pois em conjunto com o 4o nível, atende totalmente as expectativas de vida de um ser em sua jornada evolutiva. A visão, a audição e o pensamento representam espiritualmente falando, a direção de toda uma vida, que se não bem direcionada por esses recursos equilibrados e harmonizados, certamente trará vicissitudes durante o trajeto evolutivo.

-Nível Superior- O espírito—A mônada: (chakra coronário)

 Este nível é o que sintetiza todos os níveis abaixo. Por abranger a energia superior sua coloração é o branco que é a união de todos os níveis do complexo superior e inferior.
 No sétimo nível são recebidas as energias do cosmo, que irrigam todos os outros níveis. Embora sua atuação seja superior, no campo etérico físico este nível pode sofrer muito que raramente, danos por energias involutivas, caso o ser possa extrapolar sua conduta desequilibra. Em questão de abrangência, este é o nível que pode harmonizar todo o ser, se sua inteira capacidade de compreensão do que é espiritual possa ser entendida. Ë o nível que faz a luz brilhar no ser e “A força Criadora” é vista muito além dos parâmetros da Terra. Obstruções dessas energias que descem para envolver as forças telúricas do complexo inferior, são tidas como casos de atenção redobrada, porque se essas freqüências superiores deixam de irrigar o restante das fontes dos outros níveis, podemos dizer que o ser caminha para complicações sérias psíquicas, podendo trazer até a loucura, embora isto seja raro,há possibilidade de ocorrer.
 Neste nível a energia se apresenta tão atuante, que mesmo sem o menor conhecimento da atuação da mesma, o ser é levado a adorar sua divindade. Isto parte da emanação cósmica que direciona toda caminhada do espírito na Terra e também no plano espiritual. É a antena receptora que ancora o amor divino no âmago do ser . Fonte irradiadora que amplifica a visão e a compreensão “Do Mais Alto”. Quanto mais o ser se deixa levar pelas intuições dessa emanação, mais “o Todo”, “o conjunto” atua em harmonia. Cada campo é uma parte do Todo, que forma o complexo superior e inferior. Se as irradiações telúricas que sobem da terra entram em trabalho de burilamento, enquanto as energias cósmicas descem para amparar a densa camada do inferior, há o perfeito equilíbrio e fontes energéticas de amor, paz e luz trazem o bem estar para todo o ser.
 Trabalhar com a intuição, através da meditação é uma ação preventiva para disfunções desse nível. Para que esse contato seja eficaz é preciso que a compreensão seja cada vez mais aguçada na auto- análise constante e abertura ao mais sublime, mesmo que isso ainda não seja concebível no momento, haverá a hora o renascimento e então com esses canais desobstruído e operante, o ser chegará a meta maior de equilibrar e compreender cada vez mais: “porque existe como ser perfeito que é”.

voltar