voltar

VISITANTES DE MUNDOS SUTIS

  A estrutura da energia que permeia o orbe terrestre é enviada por Hierarquias, que na coordenação do plano diretor da programação para elevação desta humanidade, trabalham incessantemente para que desvios inesperados sejam reduzidos ou até exterminados do contexto deste planejamento.

  Para isso torna-se necessário à observação constante dos rumos, que a civilização da superfície está tomando. Tanto em plano sutil, como no plano denso, visitas de entidades infiltradas no quotidiano do homem terrestre acontecem a todo o momento.

  O monitoramento a cada decisão tomada é importantíssimo no trabalho em que as Hierarquias estão envolvidas. Como uma importante tutela de “Irmãos Menores”, essas Hierarquias formam grupos internos, sobremaneira envolvidos por amor ao serviço de ajuda, abrangem aspectos que muito dificilmente ainda são compreendidos pela consciência do homem encarnado na superfície da Terra.

  Bases para este entendimento encontram-se ainda veladas pelas ciências ocultas, tão estudadas nos antigos monastérios, porém já bastante abertas à divulgação atual.

  Luzes nos céus cada vez são mais freqüentes e mesmo flagradas “a olho nu”, ainda não despertaram a vontade de todos em poder permitir um contato mais amiúde com os “Irmão Mais Velhos”.

  A incerteza, o preconceito e o orgulho de uns poucos que pensam ter o poder nas mãos, não deixa que uma aproximação maior possa existir. A belicosidade unida ao medo de perder “esse poder ilusório”, o leva a afastar convenientemente toda e qualquer ação, que ameace desmoronar a estrutura muito frágil dessa pretensa liderança.

  No entanto, todo esse processo já era esperado pelas Hierarquias Superiores, pois a consciência não dá saltos e a cada dia de sua jornada cresce. Aguarda-se que estímulos sutis, como as luzes que aparecem no céu, os encontros inusitados com “pessoas estranhas” no dia-a-dia do ser encarnado, possam a cada momento acelerar o despertar desta humanidade.

  Desde o começo desta Terra ou até antes, já as Forças Superiores tutelam a frágil caminhada desta civilização, que na latência de sua evolução, ainda necessita ser amparada rumo a sua redenção.

  Muitos anos ainda levarão até que o último homem terreno acorde para a Realidade Suprema, porém acontecimentos planejados para elevação dessa raça estão por vir e será mais um estímulo, para mais um passo a ser dado a caminho da iluminação.

  Pouco a pouco energias de estrutura sutil vão insinuando embriões de luz na corrente sanguínea e o fator DNA sofrerá mutações, passando de características extremamente intelectualizada, para ações perenes de serviço ao bem e amor ao próximo.

  Que pensamentos de redenção e abertura ao inusitado possam fazer parte de vossas consciências.


EFRAIM-Uma consciência intraterrena de Davhana

Canal - José Roberto Gomes

voltar