voltar

O INTANGÍVEL

  Qualquer que seja a situação de um ser, no momento atual ele encontra-se passando por sérias modificações, embora ainda não perceba, porque a consciência do ser espiritual que nele habita desde o inicio de sua caminhada evolutiva, encontra-se em mundos abstratos que são ainda imperceptíveis por sua sensibilidade ainda muito densa, em sentir o que vem do mais sutil.

  A vida no plano da Terra ainda baseia-se em leis que só admitem o que pode ser medido e o que é palpável. Sentimentos como satisfação, alegria, felicidade só podem ser entendidos, se ancorados sobre a condição do ser “do ter”, causando ansiedade e acima de tudo uma falsa expectativa, pois muitos que alcançaram na matéria estados físicos de estabilidade social, nem sempre afirmaram que haviam conseguido tudo que almejavam, ainda faltava algo que não entendiam e não sabiam o quê.

  Se o ser despertasse seu consciente direito - instrumento que faz parte integrante da psique humana, com intuito de direcionar a evolução do homem - antes de ter que galgar caminhos tortuosos em sua vida física, evitaria com sua visão mais ampla, uma série de descaminhos que hoje são levados por sua falta de confiança no que para ele é considerado intangível, porque não pode ser medido ou apalpado.

  A única maneira hoje realizável para o ser que está encarnado na Terra adquirir sua emancipação espiritual, livre de preconceitos, medos e insegurança, ainda é as passagens pelos diversos momentos, que embora a primeiro plano, sejam de tristeza e incômodos.

  Refletir nesses estados parece uma meta inatingível para o homem, porém somente passando por eles é que a maturidade chega. Caso isso não aconteça de imediato, pelo menos o que ficou impresso no subconsciente o fará pensar depois que a tempestade passar, como se comportou e como poderia se sair melhor em próxima experiência.

  O plano se realiza e evolui através de ondas de energia, que infinitamente vão levando a Criação Eterna.

  Assim trabalha a Consciência Divina. Ininterruptamente a Força e a luz chegam à consciência humana e de acordo com sua compreensão, ele a identifica e interpreta à sua maneira. Obscurecida às vezes pela ignorância espiritual, entende que está sendo levado por caminhos completamente corretos, conforme sua consciência o determinou. Porém nem sempre são hostes da luz que o estão envolvendo, pois caminhos sugeridos, podem muito bem ter sido completamente diferentes.

  As Fontes de luz a todo o momento enviam pulsos de energia Superior, que estarão nos direcionando para caminhos suaves. Basta apenas realizar o nosso trabalho de identificá-las e codificá-las sem distorções, levados pelo esforço de cada vez mais seguirmos o caminho de nossa evolução eterna.


EFRAIM-Uma consciência intraterrena de Davhana

Canal - José Roberto Gomes

voltar